Última hora

Em leitura:

Hillary Clinton enfrenta ação judicial interposta por familiares dos americanos mortos em Benghazi

mundo

Hillary Clinton enfrenta ação judicial interposta por familiares dos americanos mortos em Benghazi

Publicidade

Os pais de dois norte-americanos mortos em Benghazi, na Líbia, avançaram, esta terça-feira, com uma ação judicial contra Hillary Clinton.
atual candidata Democrata à presidência dos Estados Unidos.

A ação foi interposta pela organização conservadora Freedom Watch em nome de Patricia Smith, mãe do diplomata Sean Smith, e de Charles Woods, pai do segurança Tyrone Woods.

Na Convenção Republicana de Cleveland, a mãe de Smith afirmou que considera Clinton como responsável direta pela morte do filho.

Os pais acusam Hillary de morte por negligência, difamação e angustia emocional.

Os familiares consideram que Hillary Clinton, então secretária de Estado, é responsável pelas mortes, devido ao tratamento “irresponsável” de informações confidenciais em e-mails enviados através de um servidor privado.

Quatro americanos, incluindo o embaixador norte-americano Christopher Stevens, morreram no ataque que jihadistas realizaram a 11 de setembro de 2012 contra o Consulado norte-americano e instalações da CIA em Benghazi.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte