Última hora

Em leitura:

Peru diz basta à violência doméstica

mundo

Peru diz basta à violência doméstica

Publicidade

Pelo menos uma mulher é, diariamente, alvo agressão física ou psicológica por parte do parceiro no Peru.

Fontes governamentais revelam que todos os meses 10 são assassinadas e que 20 se afastam do companheiro.

Este fim de semana, cerca de 50 mil pessoas saíram à rua, em Lima, para dizer basta à violência. Uma iniciativa que se estendeu a outras cidades do país.

“Estamos aqui para defender um ideal: chega de maltratar as mulheres física e psicologicamente. Enquanto mães, queremos que as nossas filhas possam estar tranquilas” refere Carmela Garcia.

“As últimas decisões da justiça não foram favoráveis às mulheres e é tempo de homens e mulheres marcharam contra a violência. Temos de mudar. Somos um país grande e unido, mas também um dos mais violentos para as mulheres” acrescenta Adelaida Avila.

Durante a marcha convocada através das redes sociais os manifestantes pediram mão pesada para os agressores.

Só última semana, pelo menos três mulheres morreram no Peru, vítimas de violência doméstica.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte