Última hora

Em leitura:

EUA: Incêndio obriga à retirada de 82 mil pessoas na Califórnia

mundo

EUA: Incêndio obriga à retirada de 82 mil pessoas na Califórnia

Publicidade

Um incêndio de grandes proporções obrigou à retirada de 82 mil pessoas no estado norte-americano da Califórnia.

O fogo começou, terça-feira, numa área montanhosa do condado de San Bernardino e já consumiu mais de 3.600 hectares de floresta.

A Califórnia tem sido fustigada por inúmeros focos de incêndio, tendo sido já detido um homem por fogo-posto, mas as condições meteorológicas também não ajudam.

O porta-voz dos serviços florestais norte-americanos, Chon Bribiescas, explicou que “estamos a atravessar o quinto ano de seca severa, o que faz com que a humidade nesta área tenha descido para níveis extremamente baixos. Isso aumenta muito a probabilidade de ignição. Esse fator combinado com o vento muito forte fez com que o incêndio avançasse muitos quilómetros e obrigou a uma evacuação de grande envergadura, que teve de ser feita muito rapidamente”.

Entre as estruturas destruídas está o famoso restaurante Summit Inn Diner, que costumava ser frequentados por estrelas de Hollywood e que é muito procurado por turistas.

O governador da Califórnia já declarou o estado de emergência em San Bernardino.

Mais de 700 bombeiros estão envolvidos no combate às chamas, mas terão de ser reforçados por mais operacionais.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte