Última hora

Em leitura:

Recordista do Mundo e bicampeã olímpica no salto à vara termina carreira a horas da final

Desporto

Recordista do Mundo e bicampeã olímpica no salto à vara termina carreira a horas da final

Publicidade

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Afastada dos Jogos Olímpicos devido ao escândalo de “doping” que afetou a Rússia nos últimos meses, Yelena Isinbayeva, anunciou esta sexta-feira, aos 34 anos, o fim da carreira desportiva.

A revelação aconteceu a poucas horas da final do salto à vara nas olimpíadas do Rio de Janeiro, onde a atleta russa aspirava a ultrapassar a fasquia nos 5,10 metros — mais quatro centímetros do que o recorde do mundo que a própria estabeleceu em Zurique há quase 7 anos. Por isso mesmo, Isinbayeva não evitou deixar um recado polémico.

“Eu acreditava mesmo na minha vitória porque tudo estava a progredir nesse caminho. Quando as raparigas saltarem hoje (sexta-feira, 19 de agosto) sem mim, acham que isso vai ser honesto? Se olharem ao quadro todo, quando se compete sem Isinbayeva não pode haver uma medalha de ouro correta”, defendeu a melhor saltadora da atualidade, que regressava este ano à competição após três anos de pausa de maternidade.

A bicampeã olímpica e recordista mundial do salto à vara continua a clamar inocência e apontou, uma vez mais, o dedo à Federação Internacional de Atletismo (IAAF). “Se o presidente e todos os membros da IAAF acreditam ter agido com honestidade em relação a mim e a todos os atletas russos que estão limpos, que isso fique na consciência deles. Deus será agora o juiz da decisão que eles tomaram”, atirou Isinbayeva.

A russa foi, entretanto, eleita quinta-feira pelos até aqui colegas de profissão para um mandato de oito anos na comissão de atletas do Comité Olímpico Internacional (COI), juntamente com a alemã Britta Heidemann (esgrima), o sul-coreano Ryu Sueg-min (ténis de mesa) e o húngaro Daniel Gyurta (natação).

O presidente do COI, Thomas Bach, manifestou a expetativa de trabalhar com Isinbayeva, que, apesar de excluída do Rio2016, nunca foi especificamente implicada em qualquer caso de “doping”, e com os três outros novos membros.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

Desporto