Última hora

Em leitura:

Cerca de 1300 migrantes desembarcaram em Itália

mundo

Cerca de 1300 migrantes desembarcaram em Itália

Publicidade

Milhares de pessoas continuam a arriscar a vida para conseguir chegar à Europa. Só este domingo, desembarcaram em Itália cerca de 1300 migrantes.

Ao porto de Augusta, na Sicília, chegaram mais de 576 migrantes resgatados em sete operações de socorro entre a Líbia e Sicília. Numa das operações um cadáver foi recuperado das águas.

A Messina chegaram outros 347 migrantes resgatados ao largo da costa Líbia por um navio norueguês. Um dos migrantes teve de ser transportado de helicóptero do navio para um hospital em Catânia.

O navio Orione e a fragata Aliseo resgataram 350 migrantes que viajavam em três botes de borracha.

Desde 2014, mais de 400 mil pessoas atravessaram o Mediterrâneo em direção a Itália. O país não consegue lidar com o forte afluxo de pessoas e teme que se criem situações semelhantes às do acampamento de Calais, em França.

De acordo Com a Organização Internacional para as Migrações, mais de 3000 pessoas desapareceram no Mar Mediterrâneo, desde o início de 2016, na tentativa de chegar à Europa.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte