Última hora

Em leitura:

Turquia: “Temos de limpar o Daesh das nossas fronteiras”, a garantia foi dada pelo chefe da diplomacia de Ancara

mundo

Turquia: “Temos de limpar o Daesh das nossas fronteiras”, a garantia foi dada pelo chefe da diplomacia de Ancara

Publicidade

“Vamos lutar para que o Daesh seja expulso de toda a Turquia e Síria”. A garantia foi dada pelo ministro dos Negócios Estrangeiros turco. Esta segunda-feira, numa conferência de imprensa na Lituânia, Mevlüt Çavuşoğlu sublinhou que a Turquia não pode dar outra resposta a atentados como o que ocorreu no sábado. um casamento na cidade turca Gaziantep, que provocou pelo menos 51 mortos e 73 feridos.

“Vamos lutar contra o Daesh e contra todas as organizações terroristas até ao fim. Vamos continuar a apoiar os países e as forças que combatem o Estado Islâmico. Temos de limpar completamente o Daesh das nossas fronteiras”, afirmou Çavuşoğlu. O responsável pela diplomacia turca disse ainda que o país tem o dever de realizar esta luta dentro e fora de portas.

O governo de Ancara atribuiu o atentado de Gaziantep ao autoproclamado Estado Islâmico, mesmo que a organização terrorista ainda não o tenha reivindicado. De acordo com o presidente Erdogan, o bombista suicida responsável pelo ataque é um rapaz entre os 12 e os 14 anos.
Gaziantep é uma zona de passagem dos refugiados sírios, mas conta também com células do Daesh.
Recorde-se que a Turquia já terá expulsado cerca de 4 mil membros do Estado Islâmico do país.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte