Última hora

Em leitura:

Cientistas descobrem planeta semelhante à Terra

mundo

Cientistas descobrem planeta semelhante à Terra

Publicidade

Um planeta semelhante à Terra foi descoberto, anunciou esta quarta-feira a revista científica “Nature”. A descoberta é o resultado de um estudo coordenado pela Universidade Queen Mary de Londres nos últimos três anos, com base em dados obtidos através de telescópios do Observatório Europeu do Sul (ESO), no Chile.

Os cientistas determinaram que o planeta é formado por um sistema rochoso semelhante à Terra e poderia ter água líquida, condições que poderiam gerar vida como aconteceu no nosso planeta, explicou o diretor do Observatório , Tim de Zeeuw:

“É um planeta rochoso, como a Terra, e situa-se em zonas habitáveis, portanto a água é líquida, o que significa que pelo menos sabemos que permitiria um processo generador de vida como aquele que aconteceu na Terra. Se isto acontece na Via Láctea é caso para pensarmos que pode existir vida num outro lugar do universo, noutro planeta. E então teríamos a maior descoberta de todos os tempos.”

O novo planeta está perto da estrela Proxima Centauri, vizinha do nosso Sol, e foi batizado de “Proxima B”. Tem uma massa equivalente a 1,3 vez o tamanho da Terra e completa a sua órbita em 11,2 dias.

Quando foi encontrado em 2013, os cientistas pensaram tratar-se de uma estrela. Chamaram-lhe “Pequeno Ponto Vermelho” (Pale Red Dot). Os dados recolhidos por dois telescópios do Observatório Europeu do Sul permitiram aos investigadores descobrir que se trata de um planeta e não de uma simples estrela.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte