Última hora

Em leitura:

Terramoto em Itália: Bombeiros, militares e até refugiados procuram sobreviventes

mundo

Terramoto em Itália: Bombeiros, militares e até refugiados procuram sobreviventes

Publicidade

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Mais de 4300 operacionais prosseguem as operações de busca e salvamento no centro de Itália, onde um forte terramoto de magnitude 6.2 provocou a morte de pelo menos 247 pessoas e mais de 260 feridos, num balanço oficial que poderá ainda agravar-se nas próximas horas.

Há muitos residentes desaparecidos e desconhece-se o número de turistas, alguns certamente estrangeiros, que andariam a visitar a região.

Uma menina de 8 anos (e não 10, como inicialmente avançado) identificada como Giorgia foi resgastada com vida na última noite, da sua casa em Pescara del Tronto, mais de 15 horas após o trágico abalo. A rapariga teve de ser operada no hospital de Ascoli Piceno, mas está bem. A irmã de Giorgia, encontrada no mesmo quarto, não sobreviveu.

Immacolata Postiglione, porta-voz da Proteção Civil italiana detalha que “cerca de um milhar de homens e mulheres das forças policiais italianas estão envolvidas nas operações e também 1060 bombeiros”. “Devemos também referir a ajuda de 400 elementos das forças armadas”, acrescentou.

Aos números revelados pela Proteção Civil, somam-se ainda 420 elementos da Cruz Vermelha e mais de 500 voluntários ligados a grupos humanitários italianos como a Associação Nacional Pública de Assistência.

Na cidade de Amandola, há notícia também de pelo menos 20 requerentes de asilo oriundos do norte de África, instalados num centro de Montepreandone, se terem juntado aos mais de 800 socorristas em busca de sobreviventes na região de Ascoli Piceno.

“Foram eles que se voluntariaram para ajudar neste trágico momento da região que os acolhe”, sublinhou Paul Bernabucci, responsável pelo centro de acolhimento de refugiados e presidente do Grupo de Solidariedade Humana (GUS, na sigla italiana).

5 Corso Umberto I, Amatrice, Italy

121 Corso Umberto I, Amatrice, Italy

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte