Última hora

Em leitura:

François Hollande critica ofensiva turca na Síria

mundo

François Hollande critica ofensiva turca na Síria

Publicidade

O chefe de Estado francês criticou, esta terça-feira, a intervenção militar turca na Síria. Em causa a ofensiva contra os rebeldes curdos, apoiados pelos Estados Unidos que combatem os radicais do Estado Islâmico. Durante a Conferência dos embaixadores, no Eliseu, François Hollande criticou ainda a Rússia, país aliado do Presidente sírio, Bashar Al-Assad.

“Não há lutas vitoriosas contra o terrorismo sem que as crises que as alimentam estejam resolvidas e isso não acontece nos dias de hoje. É, portanto, tempo de acabar com a carnificina e a França apela uma uma trégua imediata em Alepo” afirma Hollande.

De acordo com a ONU, a cidade localizada noroeste da Síria não recebe ajuda humanitária há mais de um mês.

Hollande considera que a ofensiva militar turca, na Síria, não ajuda a chegar à paz.

“Estas intervenções múltiplas e contraditórias arriscam-se a incendiar os ânimos. Por isso, é urgente parar os combates e voltar às negociações” acrescenta o Presidente francês.

O chefe de Estado francês falou, ainda, da tensão crescente na Ucrânia. Hollande promete retomar as negociações com o presidente russo e o homólogo ucraniano para garantir um cessar-fogo e a realização de eleição na região de Donbass, ocupada pelos separatistas.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte