Última hora

Em leitura:

Gabão: Reeleição de Ali Bongo provoca tumultos nas ruas

mundo

Gabão: Reeleição de Ali Bongo provoca tumultos nas ruas

Publicidade

O Parlamento do Gabão, em Libreville, foi incendiado e os confrontos com as forças da autoridade espalharam-se um pouco por toda a capital, depois de ter sido anunciado o resultado final das eleições presidenciais, que reelegeu, para mais um mandato de sete anos, o presidente Ali Bongo Ondimba.

A oposição fala em pelo menos 3 mortos e vários feridos.

Os resultados surgiram, após quatro dias de espera e, depois de Jean Ping, o líder da oposição, ter reivindicado a vitória.

As forças de segurança já estavam nas ruas, há dois dias, a título preventivo, aguardando a divulgação dos resultados do escrutínio que opôs Ali Bongo, o filho do ditador que governou o país por mais de quatro décadas, a Jean Ping, o antigo presidente da União Africana.

Segundo a Comissão Eleitoral, Bongo venceu com 49,80% dos votos contra os 48,23% de Ping.

No sábado, as eleições ocorreram pacificamente. Mais tarde as duas fações acusaram-se, mutuamente, de fraude eleitoral.

A missão de observadores da União Europeia criticou a “falta de transparência” das instituições que organizaram o escrutínio e afirmou que Bongo beneficiou do acesso preferencial a verbas e aos media.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte