Última hora

Última hora

Autorizada força suplementar da ONU no Sudão do Sul

Em leitura:

Autorizada força suplementar da ONU no Sudão do Sul

Autorizada força suplementar da ONU no Sudão do Sul
Tamanho do texto Aa Aa

Luz verde do governo do Sudão do Sul para a ONU mobilizar uma força extra de 4 mil homens para manutenção de paz no país.

Juba concordou igualmente a autorizar a liberdade de movimentos a missão das Nações Unidas, a MINUSS.

Mas os detalhes operacionais ainda estão por definir.

“O que precisamos, a partir de agora, é passar destes compromissos de alto nível para as modalidades operacionais. O Conselho de Segurança da ONU é muito claro naquilo que é necessário e desejado, mas o governo está muito recetivo. Temos é que fazer isto de uma forma muito urgente porque, como todos sabemos, a população é vulnerável em diferentes regiões do país”, referiu Samantha Power, embaixadora dos Estados Unidos nas Nações Unidas.

O conflito no Sudão do Sul eclodiu em dezembro de 2013, quando o presidente Salva Kiir denunciou uma suposta tentativa de golpe liderada por líder rebelde Riek Machar

Os confrontos na capital, Juba, em julho deste ano causaram pelo menos 300 mortes e o êxodo de milhares de pessoas.