Última hora

Em leitura:

#USOpen2016 1/4 final: Nishikori elimina Murray e Serena afasta Halep

Desporto

#USOpen2016 1/4 final: Nishikori elimina Murray e Serena afasta Halep

Publicidade

Kei Nishikori surpreendeu o número dois mundial e apurou-se, esta quarta-feira (já madrugada de quinta-feira, em Lisboa), para as meias-finais do Open dos Estados Unidos, o derradeiro torneio do “Grand Slam” desta temporada.


Num jogo que se prolongou por quase quatro horas, o japonês, de 26 anos, — atual número sete no ranking ATP — teve de se aplicar, mas ao terceiro duelo este ano conseguiu finalmente bater Andy Murray, três anos mais velho.

O jogo ficou decidido com um “tie-break” (7-5) , no quinto “set”, após dois triunfos para cada lado, por 6-1 e 6-4.

Depois do número dois, Nishikori vai ter agora pela frente o atual número três do mundo, Stan Wawrinka.


No último duelo dos quartos-de-final, o suíço, de 31 anos, teve pela frente Juan Martin del Potro, de 27.

Depois de iniciar a época afetado por lesões, o recém-vice-campeão olímpico participou neste US Open como convidado (“wild card”) e, apesar da modesta 142.a posição no ranking, vinha num bom trilho de resultados. Até jogar agora com Wawrinka.


Ao sétimo duelo entre ambos, o suíço conseguiu o terceiro triunfo. Bastaram-lhe quatro “sets”. Wawrinka venceu Del Potro, por 3-1 (7-5, 4-6, 6-3 e 6-2).


Serena em busca do 7.° título


Na outra meia-final, vão enfrentar-se o sérvio Novak Djokovic, número um do mundo, e o francês Gael Monfils, o número 12.

No quadro feminino, os embates das meias-finais ficaram completos com o duelo marcado entre a norte-americana Serena Williams e a checa Karolina Pliskova.

Número um do ranking WTA, a norte-americana, de 34 anos, enfrentou a romena Simona Halep, 10 anos mais nova.


A atual número cinco do Mundo deu alguma luta à líder do ranking, mas Serena Wiliams voltou a não dar hipóteses e acabou por vencer Halep, por 2-1 (6-2, 4-6 e 6-3). A norte-americana mantém-se em busca do sétimo título no US Open.


Karolina Plestikova bateu, por sua vez, a croata Anna Konjuh, com um duplo 6-2. Recém-vencedora do Torneio de Cincinatti, também nos Estados Unidos, a checa, atual número 11 do mundo, atinge pela primeira vez as meias-finais de um torneio do “Grand Slam.”

Na outra meia-final feminina, vão defrontar-se a dinamarquesa Caroline Wozniacki, 74 no ranking, e a alemã Angelique Kerber, atual número dois do mundo.




Artigo seguinte