Última hora

Em leitura:

Coreia do Norte: ONU condena novo ensaio nuclear

mundo

Coreia do Norte: ONU condena novo ensaio nuclear

Publicidade

ALL VIEWS

Clique para descobrir

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas condenou, na sexta-feira, “firmemente” o quinto ensaio nuclear da Coreia do Norte e decidiu preparar uma nova resolução com sanções económicas a Pyongyang.

A declaração foi unânime e apoiada pelos 15 membros, onde se inclui a China, tradicional aliada da Coreia do Norte.

A embaixadora dos Estados Unidos da América na ONU considerou que este “é mais do que um desafio desavergonhado. A Coreia do Norte está a tentar aperfeiçoar as suas armas nucleares e os seus veículos de envio de modo a que possa manter a região e o mundo reféns de uma ameaça de ataque nuclear.

Samantha Power disse, ainda, que “o Conselho deve usar todas as ferramentas à sua disposição para mudar os cálculos da Coreia do Norte.”

A declaração do Conselho de Segurança das Nações Unidas surge depois de a Coreia do Norte ter confirmado o êxito do quinto ensaio nuclear, num programa informativo da televisão estatal.

O país tem vindo a realizar, nos últimos meses, testes de mísseis balísticos, ignorando as pressões do Ocidente.

Em março, o Conselho de Segurança da ONU adotou, já, as mais fortes sanções alguma vez impostas à Coreia do Norte, em resposta ao ensaio nuclear de janeiro.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte