Última hora

Em leitura:

Comissão Europeia retirou a Barroso estatuto VIP de ex-presidente

A redação de Bruxelas

Comissão Europeia retirou a Barroso estatuto VIP de ex-presidente

Publicidade

José Manuel Barroso deixará de ser recebido, nas instituições europeias de Bruxelas, com o tratamento VIP dado aos ex-presidentes da Comissão Europeia (CE).

Barroso terá, também, de dar explicações ao executivo europeu sobre a sua relação contratual com a subsidiária do banco Goldman Sachs, na qual assumirá funções de presidente não-executivo.

Estas explicações foram dadas pelo atual presidente da CE, Jean-Claude Juncker, numa carta à Provedora de Justiça Europeia.

Emily O’Reilly pediu, na semana passada, esclarecimentos sobre se o executivo europeu tinha averiguado as condições do contrato do ponto de vista ético.

Barroso vai ser conselheiro do banco sobre o processo de saída do Reino Unido da União Europeia.

Após as primeiras notícias sobre o caso, a CE disse que tinham sido cumpridos os 18 meses de intervalo entre as duas funções, como manda a lei.

Mas, agora, Juncker deu ordens para que Barroso seja recebido como qualquer lobista dos vários grupos de interesse que atuam em Bruxelas, tendo os funcionários de anotar todos os contactos que com ele tiverem.

À euroenews, um trabalhador do Parlamento Europeu, em Estrasburgo, disse que “é um escândalo”. “Mas mostra que há um problema na Europa, bem como nos Estados Unidos, que aplicam o mesmo sistema. As pessoas vão e voltam entre a indústria privada e as instituições públicas, o que levanta questões sobre o funcionamento da democracia”, acrescentou.

A maior associação de funcionários das instituições europeias criou uma petição, que visa obter 150 mil assinaturas, para que seja retirada a Barroso a pensão de ex-titular de cargo europeu.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte