Última hora

Em leitura:

Sima Bina: uma lenda do folclore iraniano proibida de cantar no Irão

Cult

Sima Bina: uma lenda do folclore iraniano proibida de cantar no Irão

In partnership with

Sima Bina é um dos grandes nomes do folclore iraniano. A cantora esteve recentemente em Colónia, na Alemanha, para dar uma série de concertos. Sima Bina atua em todo o mundo, exceto no seu país, onde as mulheres estão proibidas de cantar em público. A euronews entrevistou a artista iraniana, em Colónia.

“Tenho muito pena de não poder cantar no Irão porque as canções que eu tenho recolhido pertencem ao povo. Eu gostaria imenso de fazer uma digressão por todas as cidades iranianas e mostrar às pessoas o que eu aprendi com elas. Mas isso não é possível, é uma grande desilusão que se reflete nas minhas canções”.

Sima Bina começou a carreira de artista aos 9 anos na Rádio Nacional Iraniana onde participou num programa para crianças. Pouco depois realizou o seu próprio programa sobre o folclore do Irão. A cantora dedica-se principalmente à música do Irão mas também interpreta música afegã.

“Os nossos irmãos e irmãs do Afeganistão fazem parte da nossa nação, falamos a mesma língua. Os políticos definem fronteiras mas entre as pessoas há uma proximidade que pode ser reforçada graça à música”, sublinhou a cantora.

“Deixo a inovação para os músicos jovens. Eles precisam de um bom modelo para poderem inovar. A minha missão é criar uma ponte entre a geração anterior e a geração jovem. Por isso prefiro cantar e gravar a música folclórica na sua forma original, de modo a servir como referência para os outros”, disse Sima Bina.

No seu mais recente projeto, Sima Bina iniciou uma recolha das canções de embalar tradicionais do Irão.

ALL VIEWS

Clique para descobrir
Artigo seguinte