Última hora

Em leitura:

EUA: Ahmad Khan Rahami está em estado crítico

mundo

EUA: Ahmad Khan Rahami está em estado crítico

Publicidade

O estado de saúde do principal suspeito dos ataques à bomba deste fim de semana nos Estados Unidos é crítico, mas estável. A garantia foi dada pelo chefe da Polícia de Nova Iorque., um dia depois do norte-americano de origem afegã ter sido acusado de tentativa de homicídio.

Ahmad Khan Rahami de 28 anos ficou ferido durante uma troca de tiros com a polícia, em Nova Jérsia, onde foi interpelado. Dois agentes, também, ficaram feridos.

O pai de Rahami diz ter sido apanhado de surpresa.

“Só sabemos como nos sentimos quando uma coisa destas acontece na nossa família. Não sabia de nada, não tinha conhecimento de nada” refere Mohammad Rahami.

Surpreendidos estão também os investigadores que continuam sem compreender as motivações de Rahami.

Sabe-se que, nos últimos anos, o suspeito terá passado várias semanas no Paquistão e no Afeganistão. Viagens que justificou com compromissos familiares.

Os ataques deste sábado provocaram 29 feridos que já receberam alta hospitalar.

O presidente da câmara de Nova Iorque, Bill de Blasio, diz que a presença policial vai continuar a ser visível nas ruas da cidade, tal como a de cães treinados para detetar explosivos e que os utilizadores dos transportes públicos vão ver os sacos revistados

As atenções estão, especialmente, voltadas para a sede da ONU onde até próxima semana marcam presença os chefes de Estado e de Governo dos 193 Estados-membros das Nações Unidas.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte