Última hora

Em leitura:

A exposição de fotografias de Nikos Aliagas em Lyon

Cult

A exposição de fotografias de Nikos Aliagas em Lyon

In partnership with

“A Prova do Tempo” é o título da mais recente exposição de Nikos Aliagas. A partir de uma série de retratos a preto e branco, o fotógrafo francês convida-nos a contemplar o que há de comum entre todos os seres humanos. A exposição faz parte da programação da oitava edição do Photo Docks Art Fair, em Lyon.

A euronews entrevistou Nikos Aliagas.

“A exposição chama-se ‘A Prova do Tempo’ porque somos todos iguais. Ninguém pode ganhar ao tempo. Mas, há um tempo mais secreto, espiritual e filosófico, é o “keros”, que eu queria fotografar. Trata-se do tempo pessoal de cada um. Procurei a dignidade, a singularidade e a força de cada pessoa”, disse o fotográfo.

“Tirar um fotografia é uma responsabilidade. Pegar na máquina fotográfica é um ato violento, porque quando estamos diante de alguém com uma máquina fotográfica, é preciso pedir autorização. Não vou tirar uma fotografia longe, eu trabalho perto das pessoas. Trata-se de um diálogo. Tento compreender a vida da outra pessoa. Há coisas que me tocam e instintivamente eu pergunto se posso tirar uma fotografia. O que me interessa é tudo o que não pode ser dito com palavras. Tento transcrevê-lo graças às curvas e à luz”, disse Nikos Aliagas.

“Adoro fotografar as mãos. É possível mudar o rosto com a cirurgia estética ou usar maquilhagem, como na televisão e querer parecer mais jovem, mas, a pessoa não pode mudar as mãos. As mãos incarnam o tempo e tudo aquilo que não dizemos”, explicou Nikos Aliagas.

“Não tiro muitas fotografias. Aproximo-me das pessoas e se há uma ligação, autorizo-me a tirar uma fotografia. A fotografia não julga. É o homem que julga. A fotografia sobrevive ao tempo, mas, não julga a pessoa, remete-nos para a nossa consciência”, conclui o fotógrafo.

A exposição pode ser visitada na cidade francesa de Lyon até 9 de outubro.

ALL VIEWS

Clique para descobrir
Artigo seguinte