Última hora

Em leitura:

Alepo: Bombas primeiro, comida depois


Síria

Alepo: Bombas primeiro, comida depois

Primeiro, as bombas. Depois, a ajuda humanitária. Os habitantes do bairro de al-Ashrafieh, em Alepo, na Síria, fizeram fila junto aos veículos militares russos para a distribuição de alimentos.

Esta ajuda está a ser distribuída aos civis que escaparam dos bairros orientais da cidade, os mesmos que estão a ser bombardeados: “Estamos a distribuir vários tipos de comida enlatada, farinha e outros alimentos básicos às pessoas necessitadas. Estamos a distribuir esta ajuda às pessoas vindas dos bairros orientais de Alepo através dos corredores humanitários e às famílias afetadas pelos ataques terroristas”, diz o coronel Dany Ritchkov, do Centro Russo para a Reconciliação (filial humanitária do exército russo).

Se esta ajuda está a chegar apenas aos que fugiram dos bairros bombardeados, as Nações Unidas estão a tentar chegar a esses mesmos bairros e a procurar uma rota alternativa para a entrega da ajuda humanitária, já que a estrada principal continua bloqueada.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Turquia: Discussão termina em despiste de trólei em Istambul