Última hora

Em leitura:

Síria: Mais de 90 mortos nos bombardeamentos de Aleppo

mundo

Síria: Mais de 90 mortos nos bombardeamentos de Aleppo

Publicidade

Com Ricardo Figueira e Reuters

A cidade síria de Aleppo sofreu esta sexta-feira uma série de ataques aéreos descritos pela população “como os mais violentos até ao momento”, depois do anúncio por parte de Damasco de querer recuperar a maior cidade do país.

O exército do Governo de Bashar al-Assad conta com o apoio dos Governos russo e iraniano num conflito que dura há cerca de cinco anos e meio.

Os recentes ataques deixam prevêr que a recuperação do frágil cessar-fogo alcançado há cerca de uma semana e abandonado na segunda-feira passada, seja, a partir de agora, muito difícil.

Segundo a Reuters, pelo menos 91 pessoas morreram no ataque. A agência cita como fonte um dos responsáveis por um hospital numa zona da cidade controlada pelos rebeldes.

O Observatório Sírio para os Direitos Humanos, no entanto, disse que teriam morto 27 pessoas nos ataques.

A UNICEF, por seu lado, disse que quase dois milhões de pessoas perderam acesso a água depois dos ataques de quinta e sexta-feira.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte