Última hora

Última hora

Etiópia: Protesto terá terminado com centenas de mortos

Um protesto pacífico contra o Governo etíope em Bishoftu, a cerca de 40 quilómetros a sul da capital, terá terminado com centenas de mortos.

Em leitura:

Etiópia: Protesto terá terminado com centenas de mortos

Tamanho do texto Aa Aa

Um protesto pacífico contra o Governo etíope em Bishoftu, a cerca de 40 quilómetros a sul da capital, terá terminado com centenas de mortos.

O número de vítimas mortais ainda não é claro. A oposição fala em pelo menos 50, mas fontes médicas admitem que possam chegar às 300. O governo já confirmou, em comunicado, a morte de várias pessoas em Oromia – a província que rodeia Adis Abeba, mas não avançou com números.

Ao que tudo indica, as pessoas terão morrido esmagadas.

Para dispersar a multidão, a polícia lançou gás lacrimogéneo e disparou para o ar. Uma situação que de acordo com testemunhas terá gerado o pânico. Muitas pessoas acabaram por cair em valas.

A hipótese de repressão policial ainda não foi descartada. Recorde-se que a Etiópia tem sido palco de intensos protestos desde novembro de 2015. Desde então, mais de 500 pessoas terão sido mortas, vítimas da repressão policial.

Na origem das manifestações está a aprovação de um plano urbanístico para expandir Adis Abeba, que coloca em risco as terras de cultivo do povo Oromo, o maior grupo étnico do país.