Última hora

Em leitura:

Mike Pence diz que "não pode defender" declarações polémicas de Trump


EUA

Mike Pence diz que "não pode defender" declarações polémicas de Trump

Donald Trump está cada vez mais isolado na véspera de um segundo debate presidencial crucial.

Este sábado, o seu próprio “braço direito”, o candidato republicano à vice-presidência Mike Pence publicou um comunicado no qual se diz ofendido e incapaz de defender Trump, depois da divulgação de declarações particularmente indecorosas do magnata acerca de mulheres.

Vários senadores republicanos defenderam mesmo o afastamento de Trump e a promoção de Pence ao lugar de candidato presidencial.

A própria mulher do magnata, Melania Trump, considerou como “inaceitáveis e ofensivos” os comentários proferidos pelo marido em 2005, embora tenha apelado ao eleitorado para aceitar o pedido de desculpas do candidato republicano, que disse que quem o conhece “sabe que essas palavras não refletem quem [ele] é”. Trump reconheceu ter feito algo “errado” e pediu “desculpas”, garantindo que as suas deslocações pelos Estados Unidos também o “mudaram”.

A mais recente polémica em torno do candidato republicano surgiu depois do Washington Post ter publicado um vídeo onde Trump, sem saber que estava a ser registado por um microfone de lapela, fala das mulheres em termos vulgares, gabando-se nomeadamente de apalpões e de tentar convencer uma mulher casada a ir para a cama com ele.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Alemanha: três detenções e caça ao homem em operação antiterrorista na Saxónia