Última hora

Última hora

França: Nice homenageia vítimas três meses depois de atentado

O presidente francês, François Hollande, desloca-se a Nice para encabeçar uma cerimónia nacional de homenagem às 86 vítimas mortais do atentado de 14 de julho.

Em leitura:

França: Nice homenageia vítimas três meses depois de atentado

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente francês, François Hollande, desloca-se a Nice para encabeçar uma cerimónia nacional de homenagem às 86 vítimas mortais do atentado de 14 de julho.

As comemorações na cidade costeira, inicialmente previstas para sexta-feira, foram adiadas para este sábado devido ao mau tempo que fustiga o sul de França.

Uma residente explica que passa pela Esplanada dos Ingleses a caminho do trabalho e, por isso, pensa “todos os dias na tragédia”.

Uma turista escocesa diz que “as pessoas lidam de formas distintas com as situações, precisam de um sítio para ir exprimir os seus sentimentos e tristeza. [Esta homenagem] não glorifica [o que se passou], é apenas uma bela forma de lembrar”.

Há três meses, Mohamed Lahouaiej Bouhlel, um tunisino de 31 anos, lançou o camião que conduzia contra a multidão que se tinha juntado para ver o fogo de artifício do Dia da Bastilha, na Esplanada dos Ingleses, em Nice, fazendo 86 mortos e mais de 400 feridos antes de ser abatido pelas autoridades.