Última hora

Em leitura:

Os reinados mais longos da atualidade


mundo

Os reinados mais longos da atualidade

Depois da morte do rei tailandês Bhumibol Adulyadej, a rainha de Inglaterra, Isabel II, tornou-se a monarca que está há mais tempo no trono. O rei do “Sião” tinha sido coroado há sete décadas, quando tinha apenas 18 anos.

Vejamos quem são os monarcas que estão há mais tempo no trono.

Isabel II de Inglaterra – 64 anos

A monarca do Reino Unido da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte, e de vários países da Commonwealth, como a Austrália, Bahamas, Canadá, Jamaica ou Tuvalu, subiu ao trono a 6 de fevereiro de 1952, com a morte do pai, o rei George VI. Em setembro do ano passado ultrapassou o reinado da trisavó, a rainha Vitória, e tornou-se na monarca britânica com o reinado mais longo da história.

Sultão do Brunei, Hassanal Bolkiah – 49 anos

O Sultão do Brunei é um dos homens mais ricos e mundo e lidera uma monarquia absoluta. Hassanal Bolkiah subiu ao trono a 4 de outubro de 1967, depois da renúncia do pai Haji Omar Ali Saifuddin.

Sultão de Omã, Qaboos bin Said al Said – 46 anos

O dirigente do sultanato da Península Arábica acedeu ao trono ao afastar o pai por intermédio de um golpe de estado. O seu estado de saúde é cada vez mais frágil mas ainda não designou um herdeiro.

Rainha Margarida II da Dinamarca – 44 anos

A rainha Margarida II sucedeu ao pai, Frederico IX, e tornou-se na primeira mulher a reinar na Dinamarca. O seu reinado é o segundo mais longo do país desde o século XVII. Margarida II não tem intenção de abdicar a favor do filho.

Rei Carlos Gustavo XVI da Suécia – 43 anos

O monarca sueco subiu ao trono em 1973, com a morte do avó, Gustavo Adolfo VI. O pai tinha falecido num acidente de aviação em 1947. Em 1980 o país mudou as leis de sucessão pelo que a filha mais velha, Victoria, está na primeira linha para herdar a coroa da Suécia.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Luaty Beirão um ano após greve de fome em Angola: "Só faltava o Vaticano pronunciar-se"