Última hora

Em leitura:

Eleições norte-americanas: sondagens mostram que Hillary ganha terreno a Trump


EUA

Eleições norte-americanas: sondagens mostram que Hillary ganha terreno a Trump

Não considerar nada como garantido, essa é a mensagem da candidata presidencial democrata Hillary Clinton. A sua campanha tem sido incentivada pelos resultados nas sondagens, mas, na Florida, Hillary continuava a pedir às pessoas para votarem.

Enquanto isso, o rival republicano, Donald Trump, que também estava no estado, lamentava a falta de unidade do seu partido. Trump alegou que poderia vencer facilmente se tivesse o apoio dos líderes.

O correspondente em Washington, Stefan Grobe, fez o ponto de situação da corrida presidencial:
“a presença de ambos candidatos na Florida demonstra a importância da batalha neste Estado, onde a votação antecipada está apenas no início. E os augúrios não são nada bons para Donald Trump. Os republicanos estão à frente dos democratas por menos de 2%, quando, em comparação, há quatro anos tinham uma vantagem de 5,3%. Isto deve-se, em grande parte, a um aumento de 99% de votantes Latinos, em comparação com 2012.

Aproximadamente 130.000 Latinos já votaram na Florida. A campanha de Clinton acredita que a maioria desses votos foi para ela, dado que a esmagadora maioria dos Latinos repudia Trump pela sua retórica e política durante a campanha.

No Arizona, um estado tradicionalmente republicano, também com uma população Latina considerável, os números também não parecem bons para Trump. No entanto, a campanha de Clinton não quer ouvir falar de um deslize; teme que as pessoas considerem que a vitória de Clinton está garantida antes do tempo.

Vaticano proíbe que as cinzas de católicos sejam espalhadas ou guardadas em casa

Vaticano

Vaticano proíbe que as cinzas de católicos sejam espalhadas ou guardadas em casa