Última hora

Em leitura:

EUA: A três dias das eleições, candidatos procuram os indecisos


EUA

EUA: A três dias das eleições, candidatos procuram os indecisos

Com Lusa

A candidata Democrata à presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, dirigiu-se aos estados mais disputados, procurando o apoio das minorias e mulheres, enquanto o Republicano Donald Trump apelou ao eleitorado branco das pequenas cidades.

Clinton e os aliados procuraram o apoio dos eleitores afro-americanos e hispânicos e das mulheres.

A Democrata fez campanha nos centros urbanos de Detroit, Pittsburgh e Cleveland, enquanto o presidente Obama, esteve em Charlotte, Carolina do Norte – todas cidades onde o voto das minorias é crucial.

Em Pittsburgh, onde uma em cada três pessoas não é branca, Clinton acusou Trump de ser “uma pessoa que diminui as mulheres, goza com as pessoas com deficiências, insulta afro-americanos e latinos e demoniza imigrantes e muçulmanos”.

Hillary Clinton espera ser eleita, na próxima terça-feira, como a primeira mulher a chegar à presidência dos Estados Unidos.

Por seu lado, Trump passou por zonas rurais, esperando aumentar a afluência entre os eleitores atraídos pela sua promessa de “trazer de volta a América perdida.”

O candidato republicano começou o seu dia em Atkinson, New Hampshire, com uma população de 6.800 pessoas e quase 98% de brancos, de acordo com os recenseamentos dos Estados Unidos.

Seguiu depois para Wilmington, Ohio, outra cidade esmagadoramente branca, onde apenas 13% dos residentes têm uma licenciatura.

A cerca de 3 mil quilómetros da fronteira mexicana, Trump recebeu fortes aplausos em Atkinson quando prometeu construir um grande muro entre os Estados Unidos e o vizinho do sul.

Apesar da corrida renhida nas sondagens nacionais, o caminho de Trump para a vitória permanece estreito.

A sua campanha está a procurar cada vez mais compensar perdas entre votantes suburbanos, particularmente mulheres, aproximando-se de novos eleitores em locais fora do circuito.

A perspetiva negativa de Trump sobre a economia contradiz um relatório recente sobre emprego que mostra que a taxa de desemprego desceu para 4,9 por cento, enquanto os salários aumentaram em outubro.

A campanha de Clinton anunciou mais duas paragens em Filadélfia antes do dia das eleições, na próxima terça-feira.