This content is not available in your region

EUA: Reta final para as eleições com susto para Trump

Access to the comments Comentários
De  Dulce Dias  com Reuters
EUA: Reta final para as eleições com susto para Trump

<p>A dois dias das presidenciais norte-americanas, Donald Trump apanhou um valente susto ao ter de ser retirado do palco pelos seguranças. </p> <p>Em causa, uma presumível ameaça entre o público e alguém que referiu a presença de uma arma.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-partner="tweetdeck"><p lang="en" dir="ltr">No weapon found after <a href="https://twitter.com/hashtag/Trump?src=hash">#Trump</a> rushed off stage, Secret Service says <a href="https://t.co/yu1k2yq93h">https://t.co/yu1k2yq93h</a> <a href="https://twitter.com/hashtag/uselection?src=hash">#uselection</a> <a href="https://t.co/oLPewgsDMi">pic.twitter.com/oLPewgsDMi</a></p>— Ottawa Citizen (@OttawaCitizen) <a href="https://twitter.com/OttawaCitizen/status/795280871377014784">November 6, 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <p>Afinal, era apenas um republicano descontente com a escolha do candidato que empunhava uma bandeirola dizendo “Republicanos contra Trump” e que conta o que lhe aconteceu.</p> <p>“De repente, como não gostou da bandeirola, a multidão começou a agarrar-me, a dar-me pontapés, a agarrar-me as pernas, a bater-me. Depois, alguém gritou algo a propósito de uma arma e foi aí que as coisas ficaram mesmo fora de controlo, com gente a dar-me mais pontapés e a torcer-me os braços. Agradeço às forças de segurança que reagiram rapidamente, sem elas, é possível que me tivessem estrangulado ou mesmo morto”, admite Austyn Crites.</p> <p>Cerca de dez minutos depois, o candidato republicano voltou ao palco, em Reno, no Nevada, para agradecer, por seu lado, aos serviços secretos e prometer à assistência que ninguém “conseguirá parar” os republicanos.</p> <p>Hillary Clinton, por seu lado, que tem contado com o apoio de várias estrela do mundo da música pop e do espetáculo, contou, este sábado, com o apoio da cantora Katy Perry, que deu um concerto em Filadélfia e aproveitou para apelar ao voto, já que a taxa de participação nos Estados mais importantes pode fazer pender a balança para um outro lado.</p> <p>Clinton continua favorita nas maioria das 3876 sondagens analisadas pelo site <a href="http://projects.fivethirtyeight.com/2016-election-forecast/updates/">Five Thirty Eight</a>, embora o rival republicano se aproxime cada vez mais.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-partner="tweetdeck"><p lang="it" dir="ltr">Hillary <a href="https://twitter.com/hashtag/Clinton?src=hash">#Clinton</a> risale nei sondaggi, avanti di 5 punti su <a href="https://twitter.com/hashtag/Trump?src=hash">#Trump</a> <a href="https://t.co/ozO259sZ1A">https://t.co/ozO259sZ1A</a> <a href="https://t.co/Mbi75PAX80">pic.twitter.com/Mbi75PAX80</a></p>— Adnkronos (@Adnkronos) <a href="https://twitter.com/Adnkronos/status/795293288064544770">November 6, 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script>