Última hora

Em leitura:

Trump "proibido" de usar o Twitter


mundo

Trump "proibido" de usar o Twitter

Se a conta de Donald Trump no Twitter se chama @realDonaldTrump, que significa “o verdadeiro Donald Trump”, a expressão pode já não corresponder à realidade. Isto porque, segundo um artigo agora publicado pelo New York Times, os “tweets” deixaram de ser publicados pelo próprio Trump para passarem a sê-lo pela equipa de campanha. Não por estar demasiado ocupado com as eleições, mas para evitar “argoladas”.

Segundo o artigo, enquanto Trump utiliza um telemóvel com o sistema Android, a equipa de campanha usa um iPhone. O último “tweet” enviado de um Android data de sábado e não era muito elaborado…

Desde então, todos os “tweets” são para anunciar eventos de campanha ou agradecer ao público.

Os “tweets” de Trump ficaram famosos pelos insultos dirigidos aos opositores, mas também pelos erros ortográficos. Por exemplo, este que reproduzimos abaixo contém três erros.

Noutra ocasião, Trump decidiu publicar uma “frase inspiradora”. Mas pareceu não reparar que a citação pertencia ao ditador italiano Benito Mussolini. Trump caíu assim na armadilha que tinha sido lançada pelo site Gawker.

Quanto aos insultos, o New York Times contou, pelo menos, 282 pessoas ou instituições vítimas das “bocas” do candidato. O resultado pode ser consultado nesta lista.

Mesmo se o candidato deixou de “tweetar”, o filho Donald Trump Jr encarrega-se de manter a fama. Recentemente, quando Trump foi retirado de um comício pela segurança, Trump Júnior retweetou um post que falava em tentativa de assassínio. Afinal, a “arma” não passava de um cartaz hostil ao candidato.

Na nossa página do Facebook, reunimos os melhores tweets de Trump. Confira abaixo:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

mundo

Primeiro-ministro de Cabo Verde considera mobilidade na CPLP "uma boa iniciativa"