Última hora

Em leitura:

Boris Johnson deprecia reunião de emergência da UE sobre Trump


EUA

Boris Johnson deprecia reunião de emergência da UE sobre Trump

O chefe da diplomacia britânica, Boris Johnson, decidiu não participar na reunião de emergência dos ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia, onde deverá ser discutida qual a posição a assumir face ao novo inquilino da Casa Branca.

No rescaldo da eleição de Donald Trump para a presidência dos Estados Unidos, os responsáveis pela diplomacia dos países membros da União Europeia marcaram uma reunião de emergência para discutir as relações com Washington.

O porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros britânico informou que Boris Johnson participará na reunião oficial agendada para segunda-feira, considerando desnecessário outro encontro à margem daquele.

Pouco depois de ter sido confirmada a eleição de Donald Trump como Presidente dos Estados Unidos, o ministro dos Negócios Estrangeiros britânico corrigiu o seu discurso, anunciando o enorme desejo de trabalhar com Trump.

Em 2015, enquanto Presidente da Câmara de Londres, o político conservador apontara a inaptidão de Trump para o cargo quando este defendeu que fosse banida a entrada de muçulmanos nos Estados Unidos.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Gozado por querer cobrar rendas à Santa Sé por edifícios que pertencem ao Vaticano, Beppe Grillo volta atrás