Última hora

Está a decorrer na Califórnia o Raide das Amazonas 2016!

É a 15a edição de uma prova 100 por cento feminina, este ano com seis etapas por alguns dos mais impressionantes cenários naturais do "faroeste" dos Estados Unidos.

Em leitura:

Está a decorrer na Califórnia o Raide das Amazonas 2016!

Tamanho do texto Aa Aa

Está a decorrer esta semana, na Califórnia, Estados Unidos, a 15a edição do Raide das Amazonas, uma prova de resistência aberta apenas ao género feminino e dividida em seis etapas por entre paisagens de cortar a respiração.

O raide deste ano começou segunda-feira, 14 de novembro, com um trilho de 11 quilómetros no desfiladeiro de Pipes, a norte de Pioneertown.

Depois de etapas de BTT no deserto Anza Borrego; de canoagem no lago salgado Mar de Salton; de caça ao tesouro em Los Angeles; de um triatlo (BTT, canoagem e prova de orientação) de 27 km na zona estatal de recreação do Lago Perris; e uma corrida final de 13 km, sábado, na zona norte do Parque Natural de Joshua Tree.

Para as 255 atletas em prova, com uma média de idades de 41 anos, esta é uma experiência única. Há equipas de três elementos e duplas. Mais do que ganhar, neste raide em Palm Springs há todo um novo mundo para descobrir. No feminino.

Louisa Yazid, de 41 anos. Ela forma a equipa da Ilha de Reunião com Mélanie Verzeaux, de 32 anos, e descreve o raide das Amazonas deste ano como “magnífico”, com “um percurso soberbo” que “parece o cenário de um filme”.

Sobre as condições meteorológicas encontradas, Louisa Yazid conta-nos que “estava muito quente”. “Sobretudo a areia e isto para nós foi um problema porque não temos areia na Reunião”, explicou-nos.

Também a suar neste raide das Amazonas, mas em trabalho, anda o enviado especial da euronews, o jornalista francês Sergi Rombi: “O que é preciso entender é que esta é, antes de mais, uma aventura humana de descoberta. De um novo país, como acontece aqui, na Califórnia, este ano, mas também de autodescoberta e da descoberta dos outros através do desporto.”