Última hora

Em leitura:

Viagem de comissário Oettinger levanta questões éticas


A redação de Bruxelas

Viagem de comissário Oettinger levanta questões éticas

Günther Oettinger está envolvido em nova polémica por ter viajado para a Hungria, em maio passado, no avião privado de um lobista alemão próximo dos governos húngaro e russo.

O comissário europeu para a Economia Digital negou ter violado as regras de ética, tal como questionado formalmente por um grupo de eurodeputados.

A euronews falou com um deles, Benedek Jávor, húngaro e membro do Partido dos Verdes, que disse que Oettinger “não tem integridade para se tornar vice-presidente da Comissão Europeia com as pastas do Orçamento e dos Recursos Humanos, que também inclui a supervisão do código de conduta, transparência e ética”.

“Aliás, tudo isto faz questionar que seja sequer a pessoa indicada para continuar a exercer funções de comissário europeu”, acrescentou.

Jean-Claude Juncker, presidente da Comissão Europeia, já se tinha visto obrigado a aconselhar Oettinger a pedir desculpas publicamente por recentes comentários racistas e outras frases polémicas.

De nacionalidade alemã, Oettinger deverá assumir o cargo de vice-presidente em janeiro.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte

A redação de Bruxelas

Orçamento de Itália criticado, Portugal e Espanha não perdem os fundos