Última hora

Em leitura:

Breves de Bruxelas: o adeus de Obama e a ameaça populista


A redação de Bruxelas

Breves de Bruxelas: o adeus de Obama e a ameaça populista

O presidente dos EUA, Barack Obama, está a terminar a digressão de despedida e a viagem à Alemanha é a última incursão ao estrangeiro antes de deixar o cargo. O apreço que Obama mostra para com a chanceler Angela Merkel visa fazer uma advertência a Donald Trump.

Num artigo de opinião conjunto para um jornal de negócios alemão, os dois líderes defenderam o livre comércio, pediram mais apoio para os refugiados, sublinharam a importância da NATO e do Ocidente continuar a lutar contra as alterações climáticas.

O programa que passa em revista a atualidade europeia diária recorda, ainda, o julgamento de Geert Wilders, líder do Partido da Liberdade, na Holanda, acusado de incitamento ao ódio. Algumas sondagens colocam o partido de Wilders empatado com os liberais do primeiro-ministro Mark Rutte para as eleições em março.

Para terminar, uma chamada de atenção para a reunião dos ministros da Justiça e Administração Interna da União Europeia, esta sexta-feira, para debater a política de migração.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

A redação de Bruxelas

União Europeia dá sinal positivo sobre isenção de vistos para Ucrânia