This content is not available in your region

Judocas russos brilham na China

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Judocas russos brilham na China

<p>Os judocas russos deram cartas neste primeiro dia do <a href="https://www.ijf.org/competition/1349">Grande Prémio de Qingdao</a>, na China.</p> <p>Foram atribuídas cinco medalhas de ouro nesta sexta-feira. Na categoria de menos de 57 quilos, em femininos, a russa Anastasiia Konkina derrotou uma judoca da casa, Lin Yuanyuan, ao fazer dois <em>waza-aris</em>, sempre com a mesma técnica, o <em>ushi-mata</em>. Esta foi a primeira aparição de Lin numa final.</p> <p>Em masculinos, nos menos de 60 quilos, a vitória foi para Dashdavaa Amartuvshin, da Mongólia, que conseguiu aqui a quinta medalha de ouro num grande prémio, ao derrotar Islam Yashuev, da Rússia. Depois de um <em>waza-ari</em>, o mongol conseguiu a vitória ao manter o russo imobilizado durante 15 segundos.</p> <p>Também em masculinos, na categoria de menos de 66 quilos, não havia dúvidas de que o vencedor seria um russo. A final opôs Abdula Abdulzhalilov a Anzaur Ardanov e foi o primeiro a impor-se: Mais uma vez, a vitória foi decidida graças a uma imobilização.</p> <p>Além de ter conseguido a medalha de ouro, Abdula Abdulzhalilov é também o protagonista do nosso <em>ippon</em> do dia. O momento deste primeiro dia de provas na China foi conseguido na meia-final em que o russo defrontou o mongol Altansukh Dovdon. A execução perfeita do <em>ushi-mata</em> permitiu ao russo um <em>ippon</em> sem margem para dúvidas.</p>