Última hora

Em leitura:

American Music Awards: Não faltou um ataque a Trump na noite de Ariana Grande, Justin Bieber e Drake


EUA

American Music Awards: Não faltou um ataque a Trump na noite de Ariana Grande, Justin Bieber e Drake

Não faltou um ataque a Donald Trump na cerimónia dos American Music Awards em que os grandes vencedores foram Ariana Grande, Justin Bieber e Drake.

Com 13 nomeações, o rapper canadiano Drake levou para casa todos os prémios na categoria de hip-hop: “melhor álbum”, “melhor artista” e “melhor canção”. O compatriota Justin Bieber conquistou quatro galardões, três na categoria de pop-rock e o de “melhor vídeo do ano” por “Sorry”.

Os American Music Awards são escolhidos pelos fãs através de voto na internet e o grande prémio da noite foi para Ariana Grande, eleita “artista do ano”.

Na cerimónia, em Los Angeles, não faltou uma referência às presidenciais norte-americanas: os Green Day alteraram a letra da canção “Bang Bang” para um grito de “não a Trump, não ao Ku Klux Klan, não a uns Estados Unidos fascistas”.

Pelo palco passaram ainda várias vozes conhecidas, como Lady Gaga ou Sting, que recebeu um prémio honorário pela sua contribuição para a indústria musical.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Haitianos votam em escrutínio crucial que pretende pôr fim a crise política