Última hora

Romney surge como candidato "sério" para chefiar diplomacia dos EUA

Do conforto do seu clube de golfe em Nova Jérsia, Donald Trump multiplica os encontros à procura das figuras chave que irão integrar a próxima administração…

Em leitura:

Romney surge como candidato "sério" para chefiar diplomacia dos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

Do conforto do seu clube de golfe em Nova Jérsia, Donald Trump multiplica os encontros à procura das figuras chave que irão integrar a próxima administração norte-americana.

O magnata recebeu, entre outros, o governador do Estado, Chris Christie. Conselheiro de Trump durante a campanha para as presidenciais, Christie foi depois afastado da liderança da equipa de transição, mas o encontro deste domingo deixa antever uma nova “abertura de portas”.

Quem parece ter lugar garantido na administração Trump é o ex-presidente da Câmara de Nova Iorque, Rudolph Giuliani. Grande aliado do milionário na corrida à Casa Branca, continua a ser um dos nomes repetidos para o posto de Secretário de Estado, mas também representa uma possibilidade para “outros” cargos, segundo o próprio Trump.

Para a chefia da diplomacia norte-americana, surgiu também este domingo, curiosamente, o nome de um dos principais críticos do magnata durante a campanha: Mitt Romney. Recebido no sábado por Trump, o ex-rival republicano é agora um candidato “sério”, segundo o vice-presidente eleito, Mike Pence.