Última hora

Em leitura:

"Rogue One: Uma História de Star Wars": Um punhado de heróis improváveis


cinema

"Rogue One: Uma História de Star Wars": Um punhado de heróis improváveis

Em parceria com

O universo da Guerra das Estrelas ganhou um punhado de novas personagens, entre as quais a de uma mulher corajosa, Jyn Erso. O lançamento de “Rogue One: Uma História de Star Wars” teve lugar na Cidade do México.

O universo da Guerra das Estrelas ganhou novas personagens, reveladas no lançamento de “Rogue One: Uma História de Star Wars” na Cidade do México.

A história situa-se entre os acontecimentos de Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith e Star Wars: Episódio IV – Uma Nova Esperança (1977).

O realizador Gareth Edward contou como um punhado de heróis improváveis que se unem para roubar os planos de uma arma de destruição em massa: a Estrela da Morte.

“Fazer algo como a Guerra das Estrelas é muito intimidante, há muita pressão e por isso brincávamos uns com os outros, o sentido de humor ajudou como válvula de escape. Foi como se estivessemos nós próprios numa batalha também, como os personagens do filme, com as câmaras e a lutar para alcançar a tarefa impossível de fazer um bom filme da saga Star Wars”, confessou.

Felicity Jones interpreta Jyn Erso, a rebelde que adere à Aliança Rebelde e a um grupo de renegados, com a missão de roubar os planos da Estrela da Morte, a arma concebida pelo pai de Jyn, Galen Erso – interpretado por Mads Mikkelsen.

Para Felicity Jones, “Gareth é uma pessoa encantadora e um grande realizador. Ele traz inteligência e perspicácia a tudo aquilo que faz, nós muito simplesmente aderimos. Os três, com Alan Tudyk, conseguimos trabalhar muito bem juntos, frequentemente à beira de rebentar a rir quando era esperado estarmos muito sossegados.”

O ator mexicano Diego Luna é o capitão Cassian Andor, um dos líderes da contra-espionagem rebelde.

“Cassian é o líder das forças rebeldes, um espião e um personagem muito misterioso. É um homem que consagrou toda a sua vida a combater e está disposto a arriscar tudo para vencer”, disse Diego Luna sobre o personagem.

A produtora Lucasfilm e os estúdios Walt Disney estimam que o filme arrecade mais de 130 milhões de dólares nas bilheteiras americanas.

“Rogue One: Uma História de Star Wars” tem estreia marcada nas salas portuguesas para o próximo dia 15 de dezembro.

Os nossos destaques

Artigo seguinte

cinema

"Lion - Um longo caminho para casa": As raízes de Saroo Brierley