Última hora

Itália: "Mafioso intelectual" preso após seis anos de fuga

No esconderijo de Marcello Pesce não foram encontradas armas, mas livros de Proust e Sartre.

Em leitura:

Itália: "Mafioso intelectual" preso após seis anos de fuga

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia italiana conseguiu deitar mão a um dos mafiosos mais procurados. Marcello Pesce, um dos padrinhos da ‘Ndragheta, a máfia da Calábria, foi detido sem qualquer resistência na casa onde estava escondido em Rosarno, na região.

Pesce é suspeito de liderar uma das mais poderosas famílias da ‘Ndragheta e uma rede de tráfico de droga para o norte de Itália.

Ao que parece, ultimamente, Pesce preferia as letras às armas. No esconderijo, foram encontrados vários livros de Marcel Proust e Jean-Paul Sartre, que estaria provavelmente a guardar para ler na prisão.

Em 2010, Marcello Pesce tinha escapado à captura pelas autoridades e foi condenado à revelia a 16 anos de prisão – tempo mais que suficiente para ler os sete volumes de Em busca do tempo perdido.