Última hora

Centenas de tailandeses realizaram quarta-feira, 30 de novembro, uma vigília em tributo ao malogrado rei Bhumibol Adulyadej. A homenagem decorreu à luz de velas, ficou marcada por um período de silêncio que durou 89 segundos, o mesmo número de anos que o monarca, que morreu a 13 de outubro, completaria a cinco de dezembro.

Esta quinta-feira, primeiro de dezembro, é o dia previsto para a nomeação do príncipe herdeiro como sucessor do rei da Tailândia. Se Maha Vajiralongkorn aceitar, será o 10.° Rei da dinastia Chakri, será coroado após a cremação do pai e adotará o título de Rama X.

Maha Vajiralongkorn tem 64 anos e viveu grande parte da sua vida fora da Tailândia, em especial na Alemanha, desligado dos protocolos da coroa tailandesa. Já foi casado e por três vezes divorciou-se, nomeou o cão de estimação, Foo Foo, como marechal da Força Aérea e, quando morreu, o cachorro teve direito a cerimónias fúnebres de quatro dias, de acordo com os rituais budistas. Estes episódios contribuem para a desconfiança em torno do príncipe.

Falar sobre a monarquia na Tailândia é um assunto muito sensível devido à lei de lesa majestade. Insultar ou tecer críticas à família real pode custar um castigo de três a 15 anos de prisão.

Mais vídeos No Comment