Última hora

Última hora

Judo: atletas japoneses dominam mas Kathrin Unterwurzacher fura o bloqueio no Grand Slam de Tóquio

No segundo dia de competição no Grand Slam de Tóquio, Kathrin Unterwurzacher surpreendeu e conquistou a medalha de ouro.

Em leitura:

Judo: atletas japoneses dominam mas Kathrin Unterwurzacher fura o bloqueio no Grand Slam de Tóquio

Tamanho do texto Aa Aa

No segundo dia de competição no Grand Slam de Tóquio, Kathrin Unterwurzacher surpreendeu e conquistou a medalha de ouro. Na final de -63kg, a judoca austríaca bateu por yuko a japonesa Miho Minei e conseguiu a sua segunda medalha de ouro num Grand Slam.

Após o combate, Kathrin Unterwurzacher falou com a Euronews sobre a sua motivação e de como é lutar Japão.

“Eu estava muito motivada para vencer uma judoca japonesa no Japão, com certeza. Durante todo o dia senti-me em muito boa forma. Sentia-me muito entusiasmada e muito bem preparada. Tudo correu bem e estou muito contente com a minha medalha de ouro,” revelou Kathrin Unterwurzacher.

“Lutar no Japão contra uma japonesa foi um desafio. O público estava do seu lado. Mas eu também trouxe alguns fãs muito bons da Áustria, e eles apoiaram-me muito. Foi espetacular vencer e ouvir as pessoas aplaudirem-me. Foi um momento lindo e estou ansiosa pelos que hão de vir nos próximos anos,” acrescentou a judoca austríaca.

Em -70 kg Saki Niizoe, que recentemente deixou de ser júnior, conquistou o lugar mais alto do pódio. Na sua estreia no circuito, a japonesa Saki Niizoe ganhou a medalha de ouro ao bater, na final, a compatriota Arai Chizuru.

Na competição masculina, em -81Kg, o atual campeão mundial e número 2 do mundo, o japonês Nagase Takanori, bateu o alemão, e número 34 do mundo, Dominic Ressel.

Em – 73Kg, a medalha de ouro foi conquistada pelo japonês Soichi Hashimoto. Na final, Hashimoto derrotou o seu compatriota Takeshi Doi.