Última hora

Última hora

Duplo atentado em Istambul faz pelo menos 29 mortos

Istambul voltou a ser palco de um atentado terrorista: pelo menos 29 pessoas morreram e outras 166 ficaram feridas em duas explosões no coração de Istambul.

Em leitura:

Duplo atentado em Istambul faz pelo menos 29 mortos

Tamanho do texto Aa Aa

Istambul voltou a ser palco de um atentado terrorista: pelo menos 29 pessoas morreram e outras 166 ficaram feridas em duas explosões no coração de Istambul.

Um carro armadilhado explodiu junto a uma viatura de transporte da polícia, às portas do estádio da equipa de futebol Besiktas, duas horas depois de um jogo. Uma segunda explosão, que o vice-primeiro-ministro turco atribuiu a um bombista suicida, teve lugar menos de um minuto depois no parque Macka, a curta distância do estádio.

Para já o duplo atentado não foi reivindicado, mas Istambul foi visada, este ano, por vários ataques atribuídos a “jihadistas” do grupo extremista Estado Islâmico e aos rebeldes separatistas do Partido dos Trabalhadores do Curdistão. O ministro do Interior, que avançou o último balanço de vítimas, disse que a maioria dos mortos são polícias e que foram efetuadas dez detenções.

As explosões ocorreram num bairro turístico da parte europeia da capital financeira da Turquia, entre a emblemática praça Taksim e o palácio de Dolmabahçe. O presidente Recep Tayyip Erdogan afirmou que as explosões “tinham como objetivo causar o maior número possível de vítimas”.

Segundo meios de comunicação turcos, as autoridades efetuaram uma detonação controlada de uma terceira bomba, encontrada na mesma área.

Estados Unidos, NATO e vários líderes europeus, incluíndo o presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, condenaram os ataques e enviaram mensagem de solidariedade.