This content is not available in your region

Ataques terroristas na Alemanha em 2016

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Ataques terroristas na Alemanha em 2016

<p>O cenário do atentado de Berlim é praticamente identico ao de Nice, em julho passado. No dia da celebração da festa nacional francesa, 86 pessoas perderam a vida e cerca de 400 ficaram feridas, quando um camião avançou sobre a multidão. Um ato terrorista reivindicado pelo auto-proclamado Estado islâmico – Daesh.</p> <p>Até agora, a polícia alemã tinha conseguido evitar os ataques em áreas de grande concentração de pessoas, ainda que durante os últimos meses tenha havido tentativas de ataques.</p> <p>*Vários incidentes isolados e ataques falhados *</p> <p>No dia 18 de julho, um jovem afegão de 17 anos feriu com uma arma branca quatro pessoas num comboio próximo da localidade de Würzburg, sendo depois detido.</p> <p>No dia 24 de julho, um atentado suicida à entrada de um concerto em Ansbach provocou ferimentos em 12 pessoas. Um sírio de 27 anos acionou os explosivos que transportava numa mochila.</p> <p>O seu pedido de asilo tinha sido rejeitado, mas o homem estava autorizado a ficar temporariamente na Alemanha e vivia na mesma cidade. Tinha estado sob tratamento psiquiátrico após ter feito duas tentativas de suicídio.</p> <p>No dia 10 de outubro, após dois dias de buscas, a polícia conseguiu deter um outro cidadão sírio de 22 anos, que de acordo com a investigação, estava a preparar um atentado no aeroporto de Berlim.</p> <p>A polícia encontrou dentro de um apartamento em Chemnitz material explosivo semelhante ao usado nos ataques de Paris e Bruxelas. Dois dias depois da detenção em Leipzig, o alegado terrorista suicidou-se na prisão.</p> <p>Mas a 16 de dezembro, a polícia alemã revelou o caso mais assustador: um jovem germano-iraquiano de apenas 12 anos tentou, no final de novembro, utilizar explosivos, por duas vezes, na cidade de Ludwigshafen. <br /> Os alvos: a câmara municipal e o mercado de natal.</p>