Última hora

Última hora

"Milhares" vão caminhar da Europa até Alepo pela paz na Síria

Um grupo de ativistas europeus vai caminhar cerca de 3 mil quilómetros para exigir o fim da guerra na Síria e ajudar as vítimas do conflito que já vez mais de 400 mil mortos. O evento chama-se "Ci

Em leitura:

"Milhares" vão caminhar da Europa até Alepo pela paz na Síria

Tamanho do texto Aa Aa

De Berlim, na Alemanha, até Alepo, na Síria, são cerca de 3 mil quilómetros e, a pé, um grupo de ativistas europeus vai ligar as duas cidades, passando pela República Checa, Áustria, Eslovénia, Croácia, Sérvia, Macedónia, Grécia e Turquia, o caminho percorrido pelos refugiados da guerra civil que em quase seis anos já vez quase 400 mil mortos, de acordo com estimativas da ONU.

A ideia original da chamada ‘Civil March for Aleppo’ (Marcha Civil por Alepo) era chamar a atenção do mundo, exigir o fim da violência na cidade síria de Alepo, palco de sangrentos combates. Agora, com o fim da batalha na outrora maior cidade Síria, o objetivo é insistir nos apelos para o fim da guerra e dar esperança aos civis apanhados pelos combates.

A iniciativa parte da jornalista e blogger Anna Alboth, uma polaca a residir em Berlim, que não resistiu ao sofrimento que se tem vivido na Síria.

À Euronews, Anna contou que tenciona reunir “3 mil pessoas para realizar todo o percurso entre a Alemanha e a Síria. Pelo caminho, milhares de simpatizantes vão juntar-se a nós e estimamos que teremos a participação de 10 mil pessoas”, explicou, sublinhando que “várias personalidades do mundo deverão marcar presença, embora seja ainda muito “cedo para revelar detalhes”.

A campanha não está ligada a qualquer partido político ou organização e foi erguida com o apoio de cerca de 120 voluntários europeus. A organização tem recolhido fundos através de crowd funding.

Os fundos destinam-se a financiar os custos da organização, da logística e mantimentos:

- Um camião e uma carrinha para transportar equipamentos, tendas, medicamentos, material médico e outros.

- Combustível

- Fogões de campanha

- Cobertores e outro material de acampamento

- Tendas de inverno

- Material para registar o inverno, incluindo as respetivas baterias

- Eventuais despesas legais (Nos paises do percurso)

O início da caminhada para Alepo está marcado para as 10 da manhã do dia 26 de dezembro em Tempelhofer Feld em Berlim e deverá demorar cerca de 3 meses.

Podem participar todos os interessados em apoiar a causa.