Última hora

Última hora

Putin reafirma que nunca houve um sistema de dopagem

O presidente russo, Vladimir Putin, reafirmou que nunca existiu um sistema de dopagem de desportistas da responsabilidade do Estado.

Em leitura:

Putin reafirma que nunca houve um sistema de dopagem

Tamanho do texto Aa Aa

Com Reuters

Point of view

Nunca existiu um sistema de dopagem com o patrocínio do Estado.

Vladimir Putin Presidente da Federação Russa

A Rússia quer mudar a imagem internacional no que diz respeito à luta contra a dopagem entre atletas nacionais de alto rendimento.

Durante a sua habitual conferencia de imprensa de fim de ano, o presidente Putin insistiu na posição de Moscovo sobre o assunto.

Para o presidente russo, nunca existiu nada que se parecesse a um sistema de dopagem da responsabilidade das autoridades:

“Nunca foi criado, na Rússia, um sistema de dopagem com o patrocínio do Estado. É simplesmente impossível,” disse Putin.

No entanto, o presidente russo reconheceu que poderão existir alguns problemas e que é importante acabar com a dopagem.

“Faremos tudo o que pudermos para termos a certeza de que tal sistema nunca exisitirá. Além disso, como qualquer outro país, podemos ter este problema e há que assumi-lo. Só assim podemos prevenir o recurso a dopagem.”

No passado dia sete de dezembro, o “Comité Olímpico Internacional” prolongou sanções para atletas russos, depois do chamado escândalo do dopping, que teve início depois de divulgadas as conclusões do chamado relatório McLaren.

Agora, apesar das preocupações expressadas por Putin, o Comité diz que “não se observam mudanças substanciais” que demonstrem que a Rússia quer realmente acabar com a dopagem.