This content is not available in your region

Surrealismo mexicano: Um morto e um ferido grave em festa de aniversário viral de adolescente

Access to the comments Comentários
De  Antonio Oliveira E Silva  com AFP, EFE E NOTIMEX
Surrealismo mexicano: Um morto e um ferido grave em festa de aniversário viral de adolescente

<p><strong>Com <span class="caps">AFP</span>, <span class="caps">EFE</span> e <span class="caps">NOTIMEX</span></strong></p> <p>A jovem <em>quinceañera</em> mexicana <strong>Rubí Ibarra</strong> viveu a festa de aniversário mais inesquecível da sua ainda curta vida, depois do seu pai ter tido a ideia de lançar um <strong>convite nas redes sociais</strong> para o que queria que fosse um grande evento, inicialmente pensado para umas <strong>800 pessoas</strong>.</p> <p>O que <strong>Crescencio Ibarra</strong> não imaginava, é que o seu convite, lançado num vídeo colocado na rede social <strong><em>Facebook</em></strong>, daria origem a mais de <strong>um milhão</strong> de confirmações <em>online</em>, num fenómeno habitualmente conhecido como <strong>“viralização”</strong> e que levou o homem a reconhecer que a situação tinha ficado “fora de controlo.” <br /> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="en-gb"><p lang="es" dir="ltr">Con fallas y saturación la localidad de La Joya, <span class="caps">SLP</span>, tiene Internet por primera vez. >> <a href="https://t.co/ip9PFNSnpI">https://t.co/ip9PFNSnpI</a> <a href="https://t.co/yDOUkfcfEd">pic.twitter.com/yDOUkfcfEd</a></p>— Notimex (@Notimex) <a href="https://twitter.com/Notimex/status/813517753923620864">26 December 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <br /> Os <em>media</em> mexicanos rapidamente passaram a chamar à festa de aniversário de Rubi <strong>a festa do ano</strong> e a jovem foi convidada para vários programas de televisão.</p> <p>A festa teve lugar na pequena localidade de <strong>La Joya</strong>, de 200 habitantes, no estado de <strong>Baixa Califórnia</strong>, a sul do estado norte-americano da Califórnia. <br /> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="en-gb"><p lang="es" dir="ltr">Una persona murió y otra más resultó herida en la carrera para ganar la “chiva” en los XV años de Rubí. <a href="https://t.co/PoYf2hauVf">https://t.co/PoYf2hauVf</a> <a href="https://t.co/Q33oDyeRoO">pic.twitter.com/Q33oDyeRoO</a></p>— <span class="caps">REFORMACOM</span> (@Reforma) <a href="https://twitter.com/Reforma/status/813585661521526784">27 December 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <br /> O local inicialmente previsto para a festa foi abandonado e as autoridades locais tiveram de encontrar outro sítio, improvisado, para acolher os <strong>milhares de convidados</strong> que, segundo os jornalistas presentes no local, <strong>acabaram por aparecer</strong>.</p> <p>Foi montado todo um <strong>dispositivo de segurança</strong> para assegurar o bom desenrolar da festa de Rubí, que pode ser vista entre milhares de pessoas, <strong>protegida por vários homens</strong>, como se de uma celebridade se tratasse.</p> <p>O fenómeno da festa dos <strong><em>quince</em></strong> é muito habitual em vários países Latino-americanos, altura em que se considera que uma menina atinge a idade de ser <strong>dada a conhecer ao meio social</strong> em que se insere.</p> <p>Países como a Colômbia, o México, o Panamá, a Venezuela, a República Dominicana, a Guatemala ou as Honduras dão especial importância à festa dos quinze anos das jovens.</p> <p>É habitual que se organizem <strong>bailes</strong>, que incluem a receção de convidados, a entrada formal da aniversariante e dos convidados e toda uma cerimónia que pode mesmo incluir um <strong>banquete</strong> e o <strong>visionamento</strong> de videos com a vida da jovem. <br /> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="en-gb"><p lang="es" dir="ltr">Tras el éxito en redes sociales, <a href="https://twitter.com/hashtag/Rub%C3%AD?src=hash">#Rubí</a> refleja nerviosismo por multitudinaria fiesta de XV años. >> <a href="https://t.co/2PNZ7TPZiY">https://t.co/2PNZ7TPZiY</a> <a href="https://t.co/J64G6Dh2qK">pic.twitter.com/J64G6Dh2qK</a></p>— Notimex (@Notimex) <a href="https://twitter.com/Notimex/status/813542507682365441">27 December 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <br /> No caso da festa de Rubí, no entanto, o elevado número de convidados que, neste caso, não conheciam sequer a aniversariante, deu origem a situações únicas.</p> <p><strong>Um homem de 66 anos acabou por morrer durante uma corrida de cavalos improvisada, enquanto outro ficou ferido com gravidade.</strong></p> <p>Entretanto, um <strong>eleito local</strong>, conhecido no México por dizer que roubava, mas “poquito”, apareceu de surpresa na festa e ofereceu <strong>um carro</strong> à jovem Rubí.</p>