This content is not available in your region

Israel suspende licenciamento de construção em Jerusalém Oriental

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Israel suspende licenciamento de construção em Jerusalém Oriental

<p>Ao contrário do previsto, a votação do comité de planificação israelita para <a href="http://www.dn.pt/mundo/interior/suspenso-plano-de-construcao-de-novas-casas-em-territorios-ocupados-5574913.html?utm_source=dlvr.it&utm_medium=twitter">atribuição de licenças de construção de cerca de meio milhar de novas casas em Jerusalém Oriental foi cancelada</a> esta quarta feira.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="en"><p lang="pt" dir="ltr">Suspenso plano de construção de novas casas em territórios ocupados <a href="https://t.co/eX2TmRvvZa">https://t.co/eX2TmRvvZa</a></p>— Diário de Notícias (@dntwit) <a href="https://twitter.com/dntwit/status/814060216962531328">December 28, 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <p>A notícia foi avançada pelo membro do conselho municipal e do comité, Hanan Rubin, que acrescentou que o cancelamento foi feito a pedido do primeiro ministro israelita Benjamin Netanyahu.</p> <p>A decisão foi tomada antes do discurso esperado também esta quarta feira de John Kerry, secretário de estado dos Estados Unidos, sobre a visão da administração Obama quanto à paz no Médio Oriente e que tem vindo a defender a solução de dois Estados, Israel e Palestina, no território disputado.</p> <p>Uma <a href="http://pt.euronews.com/2016/12/23/conselho-de-seguranca-da-onu-aprova-resolucao-contra-colonatos-de-israel-na">resolução crítica face à construção israelita do Conselho de Segurança das Nações Unidas</a> e que pedia a sua suspensão, foi aprovada há uns dias e contou com a abstenção dos Estados Unidos. <a href="http://pt.euronews.com/2016/12/24/resolucao-da-onu-sobre-israel-intensifica-fricces">Provocou a reacção intempestiva de Israel</a>, que havia apelado ao veto americano na votação da resolução.</p>