Última hora

Em leitura:

Motor de busca revela tendências de pesquisa on-line


mundo

Motor de busca revela tendências de pesquisa on-line

A empresa Google revelou esta quarta-feira os termos mais procurados no seu motor de busca, por países e globalmente, como vem já sendo hábito anual. O vencedor cimeiro: Pokémon Go!

A busca por país é possível, bastando escolher o território nacional sobre o qual pende a curiosidade quanto à utilização do motor de busca.

Se Maria Leal é a figura nacional mais pesquisada em Portugal, Donald Trump é-o globalmente.
Portugal quer saber tudo sobre o Euro 2016 e logo a seguir vem o Pokémon Go, o mais pesquisado globalmente.
Quando se procura o terceiro mais pesquisado a nível nacional em Portugal, “Love On Top”, percebe-se que não há uma legião de fãs da música de Beyoncé no país, mas um sério gosto por reality-shows. O “Secret Story” está em sétimo lugar, antes da pesquisa por “Brexit”.

A Itália, por exemplo, revela que não deixou de achar que fazem o que seja melhor do que os outros e “como fazer uma massagem erótica” é uma das pesquisas mais populares.
A Argentina espera ansiosamente pela diversão perguntando quando sai o Pokémon Go no país, mas logo a seguir a pergunta é “quando começam as aulas”. Quanto a “como”, fazer panquecas é a aspiração nacional. A Colômbia substitui panquecas por waffles.
Na Áustria, o interesse pelo Festival da Eurovisão ocupa o primeiro lugar, mas se a diversão escolhida forem filmes e não televisão, Deadpool é, geralmente, o mais procurado.

A Google “apresenta ainda as pesquisas mais representativas”:
https://www.google.com/trends/yis/2016/FR?hl=en, divididas nas categorias “Pessoas”, “Locais”, “Coisas” e “Ideias”.

Todas as perguntas sobre as pesquisas no mundo ao alcance de vários cliques.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

mundo

Iranianos sem-abrigo dormem em campas vazias para fugir ao frio