Última hora

Última hora

Protesto em Hong Kong contra o controlo de Pequim

Cinco milhares de pessoas desfilaram nas ruas de Hong Kong contra o governo de Pequim, no dia de Ano Novo.

Em leitura:

Protesto em Hong Kong contra o controlo de Pequim

Tamanho do texto Aa Aa

Cinco milhares de pessoas desfilaram nas ruas de Hong Kong contra o governo de Pequim, no dia de Ano Novo. Os participantes reclamam o direito ao sufrágio universal e denunciam o eventual afastamento de quatro deputados pró-independência. Os parlamentares estão a ser alvo de um inquérito por terem alterado o juramento aquando da tomada de posse.

Um dos manifestantes sublinha que “os deputados recolheram mais de 100 mil votos mas que o governo de Pequim continua a despojar os cidadão de Hong Kong dos seus direitos”. Outro dos participantes refere que “a pessoas não sabem o que fazer para resistir a este assalto”, pelo que espera que no futuro estas manifestações consigam juntar o máximo de pessoas possível.

Hong Kong regressou à soberania chinesa há 19 anos debaixo da lógica “um país, dois sistemas”, mas o Partido Comunista Chinês tem o controlo político da região. O próximo chefe do executivo de Hong Kong deverá ser escolhido em março por um colégio eleitoral de 1200 elementos, onde a vasta maioria é conotada com o poder de Pequim.