Última hora

Última hora

Pequim entra em 2017 num espesso manto de poluição

Pequim entrou em 2017 a registar níveis de poluição 24 vezes superiores ao máximo a partir do qual são considerados nocivos pela Organização Mundial de Saúde.

Em leitura:

Pequim entra em 2017 num espesso manto de poluição

Tamanho do texto Aa Aa

Pequim entrou em 2017 a registar níveis de poluição 24 vezes superiores ao máximo a partir do qual são considerados nocivos pela Organização Mundial de Saúde.

A capital chinesa vai manter o nível de alerta “laranja” contra a contaminação, decretado na semana passada, pelo menos até à madrugada da próxima quinta-feira.

A pesada nuvem de poluição que cobre várias partes do norte da China dissipou-se um pouco durante o fim-de-semana, permitindo, nomeadamente um regresso à normalidade dos voos com destino e origem em Pequim.

No entanto, espera-se que nas próximas 24 horas o manto cinzento volte a tornar-se mais espesso, com novos cancelamentos nas ligações aéreas, à semelhança do que se produziu na última semana na capital e noutras 23 cidades chinesas, bem como novos cortes de estradas.