Última hora

Em leitura:

#PrémiosFIFA: Cristiano Ronaldo, o melhor futebolista de 2016

Última hora

Suíça

#PrémiosFIFA: Cristiano Ronaldo, o melhor futebolista de 2016

Cristiano Ronaldo foi eleito pela quarta vez na carreira o melhor jogador do ano pela Federação Internacional de Futebol (FIFA). O avançado português já havia conquistado a Bola de Ouro, título que voltou a deixar de estar associado ao prémio da FIFA, e encerra desta forma aquele que disse ter sido uma ano fantástico, em que ganhou a Liga dos Campeões pelo Real Madrid e o Europeu pela seleção de Portugal.

 

O ano de Ronaldo

Os jogos e os golos:
  • Mundial de Clubes: 2 jogos/ 4 golos;
  • Liga dos Campeões: 12/ 7;
  • Liga espanhola: 30/ 31;
  • Seleção: 13/13;
  • Total: 57/ 55.

Os títulos conquistados:
  • Euro2016;
  • Liga dos Campeões/ Melhor marcador;
  • Mundial de Clubes/ Melhor marcador/ Melhor jogador;
  • Bola de Ouro;
  • Premio FIFA.
CR7 já havia conquistado o prémio da FIFA em 2008 e depois conquistou ainda o que viria a ficar conhecido como Bola de Ouro FIFA em 2013 e 2014. Agora com a divisão dos prémios, o português volta a juntar os dois na sua vitrina. Aos 31 anos e ainda no ativo ao mais alto nível, Cristiano Ronaldo é já um dos melhores futebolistas de sempre.

“Gostava de agradecer à minha equipa, à seleção, ao Real Madrid, ao meu treinador, à minha família, que veio aqui comigo, ao meu filho e aos meus irmãos. 2016 foi o melhor ano da minha carreira. O troféu mostra que as pessoas não são cegas e veem os jogos. Com tudo o que ganhei com a minha seleção e com o clube, com grandes exibições individuais, não posso esquecer este ano incrível. Obrigado por terem votado em mim”, afirmou Cristiano Ronaldo no momento da consagração, acrescentando não ter “muito a dizer” porque os “prémios falam por eles mesmos” e prometendo não repetir “o grito” de há dois anos, apenas “o movimento.”

Antes de receber a mais alta distinção individual em 2016, Ronaldo já havia sido eleito pela FIFA, sem surpresa, para o melhor “11” do ano. Uma eleição ainda assim não verificada pela revista France Football, que embora tenha concedido ao português a Bola de Ouro não o considerou para a melhor equipa do ano.

Fernando Santos ultrapassado por Claudio Ranieri

Fernando Santos esteve entre os três finalistas para melhor treinador do Mundo em 2016, ano em que liderou Portugal à conquista do primeiro título internacional de futebol da história, o Euro2016, mas, tal como francês Zinedine Zidane (Real Madrid) perdeu a preferência dos eleitores para Claudio Ranieri.

O italiano surpreendeu o mundo do futebol ao conduzir o modesto Leicester ao título de campeão de um dos melhores campeonatos do Mundo, o de Inglaterra.

Lista de prémios FIFA 2016

  • Melhor futebolista: Cristiano Ronaldo (Portugal/ Real Madrid);

  • Melhor jogadora de futebol feminino: Carli Lloyd (Estados Unidos/ Houston Dash);

  • Melhor treinador: Claudio Ranieri (Itália/ Leicester);

  • Melhor treinador de futebol feminino: Silvia Neid (Alemanha);

  • Prémio Puskas (melhor golo do ano): Mohd Faiz Subri (Malásia/ Penang FA);

  • Prémio de carreira: Falcão (Futsal, Brasil);

  • Prémio “fair play”: Clube Atlético Nacional (Colômbia);

  • Prémio melhores adeptos: Borussia Dortmund (Alemanha)/ Liverpool (Inglaterra):

  • Melhor “11”:
    - Guarda-redes: Manuel Neuer (Alemanha/ Bayern Munique);
    - Defesas: Daniel Alves (Brasil/ Juventus), Piqué (Espanha/ Barcelona), Sergio Ramos (Espanha/ Real Madrid) e Marcelo (Brasil/ Real Madrid);
    - Médios: Lukas Modric (Croácia/ Real Madrid), Toni Kroos (Alemanha/ Real Madrid) e Andrés Iniesta (Espanha/ Barcelona);
    - Avançados: Lionel Messi (Argentina/ Barcelona), Luis Suárez (Uruguai/ Barcelona) e Cristiano Ronaldo (Portugal/ Real Madrid).

Grécia e Turquia apelam a "atitude construtiva" de rivais cipriotas em Genebra

Chipre

Grécia e Turquia apelam a "atitude construtiva" de rivais cipriotas em Genebra