Última hora

Em leitura:

Vendée Globe: Açores "sopram" Thompson para recorde do Mundo


Desporto

Vendée Globe: Açores "sopram" Thompson para recorde do Mundo

A regata Vandee Globe está ao rubro à entrada para as derradeiras milhas desta volta ao mundo à vela em solitário. O britânico Alex Thompson, de 42 anos, está na segunda posição, mas cada vez mais próximo do líder, o francês Armel Le Cléac’h, 39.

Thompson acaba, aliás, de bater o recorde do mundo da maior distância velejada a solo. À passagem pelo mar português dos Açores, o galês cobriu 536,8 milhas náuticas (994,15 quilómetros) em apenas 24 horas, com o recorde a ser reconhecido de acordo com a posição do veleiro “Hugo Boss” às 08:00 horas desta segunda-feira.

A velejar a uma média de 11,4 nós (41,3 km/ hora), o britânico quebrou o anterior recorde pertença do gaulês François Gabart, fixado na Vendée Globe de 2012/13 nas 534,48 milhas náuticas (989,86 km).

O melhor tempo já tinha sido, aliás, batido por Thompson após duas semanas a velejar na presente prova, mas mandam as regras que um novo recorde tem de ser superior ao anterior máximo pelo menos uma milha naútica, o que não se verificou, o que não se verificou. O galês já tinha conseguido velejar 535,34 milhas náuticas (991,45 km) em 24 horas nesta prova.

“Tenho trabalhado duro nos últimos dias devido às brisas mais ligeiras. Não é fácil tendo ali um anemómetro para medir o vento, mas não tem sido muito mau. Estou a dormir bem, a comer bem e a pôr-me em boa forma para dar tudo na última etapa. Estou a fazer figas”, afirmou Alex Thompson, num vídeo enviado a partir do “Hugo Boss.”

O britânico já esteve, antes do Natal, a mais de 1000 milhas náuticas (1517 km) do líder. Agora está a pouco mais de 70 milhas náuticas (130 km). Tudo pode acontecer nas cerca de 1000 milhas náuticas até à meta e Thmpson mantém a caça ao primeiro lugar.

Na frente, Armel Le Cléac’h vai tentando controlar a vantagem e evitar repetir o resultado das duas últimas edições da Vendée Globe em que foi… o primeiro dos últimos.

Os dois velejadores são esperados quinta-feira no porto Vendée, em Les Sables d’Olenne, França, onde termina a regata.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Desporto

Cameron Naasz vence etapa francesa de Red Bull Crashed Ice 2017