Última hora

Em leitura:

Herdeiro do império Samsung ouvido em tribunal


Coreia do Sul

Herdeiro do império Samsung ouvido em tribunal

O herdeiro do império Samsung, e vice-presidente da gigante sul coreana, compareceu, esta quarta-feira, perante o tribunal que deve decidir se o prende, formalmente, por suspeita de envolvimento num vasto escândalo de corrupção.

À chegada ao tribunal Lee Jae-Yong, de 48 anos, tinha à sua espera um batalhão de jornalistas mas passou por eles sem dizer palavra.

A equipa especial de investigadores, encarregada de investigar o escândalo que levou à destituição da presidente do país, que está a ser analisada pelo Tribunal Constitucional, acusa este responsável da Samsung, que nega ter cometido qualquer irregularidade, de de corrupção, abuso de bens sociais e perjúrio.

Em frente do tribunal um grupo de membros sindicais pediam a prisão, efetiva, de Lee Jae-Yong. Se esta instância aprovar a detenção ele poderá ficar preso, numa primeira fase, durante 20 dias.